segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Alunos da UFPA recebem aumento no valor da bolsa permanência

A Universidade Federal do Pará fará um aumento no pagamento das bolsas de auxílio permanência referentes à assistência estudantil, que passa a vigorar a partir deste mês. O reajuste diz respeito ao valor mensal pago aos alunos de graduação em vulnerabilidade social, os quais recebem diversas categorias de auxílio que permitem custear despesas necessárias à sua permanência na Universidade, tais como alimentação, transporte e gastos com materiais didáticos e textos.
Os referidos tipos de auxílios são: Auxílio Permanência Didático Pedagógico, que atende 1.570 alunos; Auxílio Emergencial Didático Pedagógico, que atende 28 alunos; Auxílio Aluno Estrangeiro Didático Pedagógico, que atende 21 alunos; Auxílio Aluno PCD Didático Pedagógico, que atende 25 alunos;  e Auxílio Permanência Casa de Estudante, que atende 47 discentes residentes das moradias estudantis.
Em números - O reajuste concedido no valor dos auxílios irá atender 1.691 alunos que antes recebiam R$ 350,00 e agora passarão a receber R$ 400,00, significando um aumento da ordem de 14,28%, superior à inflação deste ano. Segundo o professor José Maia, diretor de Assistência Estudantil da Pró-Reitoria de Extensão (DAIE/Proex), o aumento implicará no custo adicional mensal de R$84.550,00 à folha de pagamento de auxílios da assistência estudantil, representando, em 12 meses, o custo adicional de R$ 1.014.600,00, ou seja, mais de um milhão de reais, considerando somente o número de auxílios pagos atualmente.
“No orçamento da assistência estudantil de 2017, a Superintendência de Assistência Estudantil (SaEst) destina cerca de 70% para pagamento de auxílios aos estudantes. Com o reajuste anunciado, aumenta-se ainda mais o volume de recursos comprometidos com a manutenção dos auxílios, sendo o atual reajuste uma correção que já se fazia necessária, considerando que desde 2014 não houve reajustes dos auxílios”, disse José Maia. Ele também acrescentou que esta é uma decisão da nova gestão da UFPA, no início do mandato do reitor Emmanuel Tourinho, o que traduz o compromisso da Instituição com a assistência estudantil.
Garantia de conclusão de curso - Ainda de acordo com o diretor e professor José Maia, o objetivo é incentivar ainda mais as ações de valorização do estudante em situação de vulnerabilidade econômica para que tenha sua permanência garantida na Universidade até a conclusão do curso. “Considerando que os discentes em vulnerabilidade social recebem e utilizam os Auxílios Permanência para o custeio mensal de suas despesas, o reajuste anunciado certamente irá favorecer esses alunos no enfretamento dessas dificuldades de ordem financeira”, destacou.
O aumento dos auxílios será repassado para os estudantes a partir do mês de dezembro e será pago em folha complementar. Nesse mês, os beneficiados, além de receberem R$ 350,00 que já eram garantidos pelo programa, receberão R$ 50,00 extras. A partir do mês de janeiro, os alunos irão receber o valor de R$ 400,00 de uma só vez. “O pagamento ainda no mês de dezembro demonstra o compromisso com a assistência estudantil e reconhece uma demanda justa e legítima dos estudantes”, complementou o professor.
Investimentos - Com o reajuste dos auxílios, o aumento dos gastos da Universidade fica assim: o valor mensal aumenta de R$ 591.850,00 para R$ 676.400,00; já o valor anual dos auxílios passa de R$ 7.102.200,00 para R$ 8.116.800,00, ou seja, serão gastos mais de oito milhões de reais ao ano com auxílio permanência. “O estudante que recebe o reajuste de R$ 50,00 pode dizer que não é muito, mas para a Universidade, que é responsável pelo pagamento, o volume do reajuste é significativo”, finalizou José Maia.
Texto: Elisa Vaz – Assessoria de Comunicação da UFPA
Foto: Alexandre Moraes - Arquivo Ascom
Publicado em: 21.12.2016 18:00

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

CESIPT/SESPA Promove atividade de saúde alusiva ao Dia da Consciência Negra































Bom dia a todos, informamos que hoje ocorrerá nossa confraternização para fechar o ano de 2016 e gostaríamos de convidar a todxs para se fazerem presentes pois queremos em um primeiro momento ouvir como foi o 2016 da comunidade PEC-G na UFPA onde vocês poderão socializar as experiências vividas neste ano. Em segundo momento apresentaremos as ações que a CBA realizou durante o ano. Traremos também um representante da instituição para discutir diretamente com vocês sobre assuntos referentes a greve e a influência desta no período de permanência de vocês no território nacional estipulado pelo decreto que rege o programa. Finalizaremos com um momento de confraternização, salgados, doces e músicas para todos festejarem. Quem puder contribuir com sucos, refrigerantes ou salgados e outras comidinhas.